As previsões estão se confirmando. Após pouco mais de dois meses desde o lançamento dos ETFs de bitcoin (BTC), o interesse captado por esses veículos superou até mesmo as estimativas mais otimistas, impactando de forma significativa o preço do ativo.

Durante a transição de fevereiro para março, o bitcoin (BTC) alcançou sucessivos recordes de valorização, ultrapassando a marca histórica de 69 mil dólares por unidade. Esse desempenho chamou novamente a atenção não apenas do público em geral, mas também de investidores mais experientes. Contudo, poucos compreendem completamente a fonte de seu valor e a influência da escassez sobre o ativo.

bitcoin

A escassez do Bitcoin é um dos aspectos mais intrigantes que contribuem para seu valor como ativo digital. Ao contrário das moedas fiduciárias, sujeitas à impressão em larga escala pelos governos, o Bitcoin possui um suprimento máximo predefinido de 21 milhões de unidades, conforme estipulado no código criado por Satoshi Nakamoto.

Essa característica fundamental do Bitcoin foi estabelecida pelo seu criador como uma forma de emular a escassez de recursos naturais, como o ouro, conferindo-lhe características de um ativo deflacionário. A restrição de oferta é garantida por meio de regras criptográficas rigorosas incorporadas ao seu protocolo, que regulam a criação de novos bitcoins por meio do processo de “mineração”.

Bitcoin (BTC): Mais um halving a caminho

A mineração é um processo altamente computacional que envolve uma competição algorítmica para que um minerador específico seja o primeiro a validar transações na rede e, como resultado, receber novos bitcoins como recompensa. O sistema do btc foi projetado para reduzir pela metade a recompensa dos mineradores a cada 210 mil blocos, aproximadamente a cada quatro anos, em um evento chamado “halving”. Esse mecanismo diminui a taxa de criação e liberação de novos bitcoins no mercado como incentivo para os mineradores, intensificando ainda mais sua escassez.

Com isso em mente, é importante apresentar esses dados em termos numéricos. Dos 21 milhões de btcs que eventualmente existirão, cerca de 19,66 milhões já estão em circulação. Os 1,34 milhão restantes são minerados atualmente a uma taxa de 6,25 unidades a cada dez minutos.

Considerando um novo bloco adicionado à rede nesse intervalo, cerca de 900 novos bitcoins entram em circulação diariamente. No entanto, em menos de um mês, devido ao “halving” mencionado anteriormente, essa taxa será reduzida pela metade. Enquanto a oferta permanece restrita, a demanda pelo BTC continua a crescer significativamente.

O peso dos ETFs de bitcoin spot

Nos últimos dois meses, desde a aprovação dos ETFs de bitcoin “spot” nos Estados Unidos, apenas dois desses novos veículos, o IBIT da Blackrock e o FBTC da Fidelity, já adquiriram mais de 370 mil bitcoins, correspondendo a 1,9% da oferta circulante do ativo.

A média de captação líquida nos primeiros dois meses de operação dos novos ETFs é de 249 milhões de dólares por dia, o que equivale a cerca de 4 mil btcs no preço atual. Esse fluxo é aproximadamente 4,4 vezes maior do que a quantidade de bitcoins que entram em circulação diariamente por meio da recompensa dos mineradores. Se essa média persistir após o halving, teremos um fluxo de quase nove vezes a emissão diária de novas moedas.

É evidente, portanto, o desequilíbrio entre oferta e demanda que está ocorrendo atualmente, explicando os ajustes de preços observados no mercado recentemente. Além disso, outros fatores frequentemente esquecidos contribuem para a já significativa escassez do ativo.

Há a questão dos btcs cujas chaves privadas foram perdidas, estimados em cerca de 17% da oferta total. Além disso, aproximadamente dois terços dos bitcoins não têm movimentação na rede nos últimos doze meses, indicando que os grandes detentores não estão interessados em vender, mesmo com a recente alta de preços. Do lado da demanda, há o fator Michael Saylor, que por meio da MicroStrategy vem adquirindo em média 60 mil btcs a cada doze meses, moedas que provavelmente serão retiradas da oferta circulante.

Por último, há a provável mudança nas regras contábeis para que empresas abertas nos Estados Unidos incluam o bitcoin em seus balanços. Atualmente, o Bitcoin é classificado como um “ativo intangível de vida indefinida”.

Isso implica que, ao contrário dos ativos tangíveis ou dos ativos intangíveis com vida útil definida, o Bitcoin não é amortizado. Em vez disso, deve ser avaliado pelo seu valor justo de mercado no momento de cada relatório financeiro.

Se for determinado que houve uma perda por impairment, essa perda deve ser reconhecida no resultado do período. No entanto, não há reconhecimento de ganho quando o bitcoin se valoriza. Isso cria uma ineficiência que pode estar desencorajando outras empresas de seguir o exemplo da MicroStrategy de Saylor e, com novas regras, poderíamos ver outra onda de forte demanda pelo ativo.

Veja também: Ethereum: Fatores que podem fazer o preço do ether disparar este ano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 64,890.00
  • ethereumEthereum (ETH) $ 3,147.37
  • tetherTether (USDT) $ 1.00
  • bnbBNB (BNB) $ 573.74
  • solanaSolana (SOL) $ 149.03
  • usd-coinUSDC (USDC) $ 1.00
  • staked-etherLido Staked Ether (STETH) $ 3,145.52
  • xrpXRP (XRP) $ 0.524805
  • dogecoinDogecoin (DOGE) $ 0.158933
  • the-open-networkToncoin (TON) $ 6.11
  • cardanoCardano (ADA) $ 0.496905
  • shiba-inuShiba Inu (SHIB) $ 0.000026
  • avalanche-2Avalanche (AVAX) $ 36.92
  • wrapped-bitcoinWrapped Bitcoin (WBTC) $ 65,005.00
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 505.95
  • tronTRON (TRX) $ 0.110632
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 7.09
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 14.75
  • internet-computerInternet Computer (ICP) $ 15.28
  • matic-networkPolygon (MATIC) $ 0.714569
  • nearNEAR Protocol (NEAR) $ 6.19
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 84.02
  • uniswapUniswap (UNI) $ 7.69
  • leo-tokenLEO Token (LEO) $ 5.75
  • daiDai (DAI) $ 1.00
  • aptosAptos (APT) $ 9.90
  • ethereum-classicEthereum Classic (ETC) $ 27.52
  • blockstackStacks (STX) $ 2.77
  • mantleMantle (MNT) $ 1.18
  • first-digital-usdFirst Digital USD (FDUSD) $ 0.998621
  • filecoinFilecoin (FIL) $ 6.50
  • crypto-com-chainCronos (CRO) $ 0.128641
  • render-tokenRender (RNDR) $ 8.86
  • cosmosCosmos Hub (ATOM) $ 8.63
  • okbOKB (OKB) $ 55.10
  • stellarStellar (XLM) $ 0.113827
  • hedera-hashgraphHedera (HBAR) $ 0.089066
  • renzo-restaked-ethRenzo Restaked ETH (EZETH) $ 3,180.88
  • arbitrumArbitrum (ARB) $ 1.19
  • immutable-xImmutable (IMX) $ 2.15
  • bittensorBittensor (TAO) $ 462.37
  • vechainVeChain (VET) $ 0.041935
  • dogwifcoindogwifhat (WIF) $ 2.99
  • makerMaker (MKR) $ 3,055.90
  • kaspaKaspa (KAS) $ 0.116711
  • the-graphThe Graph (GRT) $ 0.280712
  • injective-protocolInjective (INJ) $ 28.48
  • optimismOptimism (OP) $ 2.44
  • fetch-aiFetch.ai (FET) $ 2.41
  • pepePepe (PEPE) $ 0.000006